IML confirma morte de caminhoneiro que se acidentou entre Marialva e Sarandi

151

O Instituto Médico Legal (IML) de Maringá confirmou nesta quarta-feira, 15, a morte do caminhoneiro Flávio Júnior Tavares, de 34 anos. Ele morreu após uma colisão de um caminhão com um anteparo na BR 376 entre Marialva e Sarandi durante a noite de terça-feira.

Tavares foi socorrido até o Hospital Metropolitano de Sarandi, mas não resistiu e morreu na manhã de hoje. Ele era morador de Loanda e durante a viagem teria sofrido picos de pressão alta. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai apurar as causas do acidente. Não se descarta a possibilidade do caminhoneiro ter passado mal e perdido o controle da direção.

COMPARTILHAR