Mãe que alegou não ter condições de criar o filho recebe ajuda do Pinga Fogo na TV

7185

A mãe do menino de 8 anos que entregou um menino aos cuidados do Conselho Tutelar de Maringá sob alegação de não ter condições de criar a criança teve nesta quinta-feira, 21, uma ótima notícia. A mulher, de 27 anos, recebeu a equipe do Sistema Pinga Fogo de Comunicação em casa e contou o porque cometeu o ato. Um dos motivos é o fato dela morar com outras sete pessoas em uma casa pequena com aproximadamente 50 metros quadrados. Entenda na reportagem abaixo:

A reportagem de Leonardo Filho foi veiculada no programa Pinga Fogo na TV na Band Maringá e comoveu alguns telespectadores que levaram doações para a jovem que mora no Conjunto Copacabana, zona norte da cidade. Dentre esses telespectadores, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil Jorge Morais que se comprometeu em organizar um mutirão para finalizar a obra da casa que a mãe começou a construir.

Durante a tarde, os apresentadores Juliano Pinga e Beija Flor foram junto com o presidente do sindicato e foram recebidos pela mãe. “Vai dar certo. Com certeza, vamos conseguir ajudar a mãe a concluir essa obra por meio do apoio do Jorge Morais e essa mãe vai ter o filho de volta. O caso é comovente e não teve como a gente não ajudar”, disse o apresentador Juliano Pinga.

COMPARTILHAR