POLICIAL

Morador de Maringá que estava desaparecido há duas semanas é encontrado morto em Apucarana

O corpo do maringaense Alessandro Domingos da Silva, de 32 anos, foi reconhecido por familiares na manhã desta sexta-feira, 8, no Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana. Silva estava desaparecido havia duas semanas. De acordo com 0 que foi apurado pela polícia, o corpo dele foi encontrado na Caixa de São Pedro, ao lado do campo de
futebol no dia 26 de setembro.

Familiares relataram à polícia que o rapaz estava com o carro dele, um Peugeot prata, que ainda não foi encontrado. Ainda de acordo com o IML, o laudo não detectou morte violenta e foi solicitado um exame toxicológico. O resultado deve ficar pronto nos próximos dias. O caso vem intriga as autoridades policiais que aguardam o parecer oficial da perícia.

Silva havia se separado há alguns meses e morava na Zona 6 em Maringá. Ele tinha dois filhos.