POLICIAL

Mulher que foi encontrada morta em Maringá é identificada e suspeita é de feminicídio

Foi identificada no fim da manhã desta quarta-feira, 24, a mulher que foi encontrada morta em um fundo de vale na zona sul de Maringá. Trata-se de Luana Clemente de Oliveira, de 25 anos. A identificação de forma oficial, aconteceu após um trabalho em conjunto do Instituto Médico Legal (IML) e Instituto de Identificação da Polícia Civil através do exame de papiloscopia (processo de identificação por meio das impressões digitais).

Luana morava na Rua Pioneira Sofia Ratcov Parandiuc, no bairro Parque da Gávea, a poucos metros do local em que ela foi encontrada morta. Segundo familiares, a moça foi vista na última sexta-feira, 19. Ela estava na companhia de um homem e duas mulheres. A moça teria saído em um veículo de cor escura. Dias atrás, Luana chegou em casa, com um ferimento na cabeça, indicando uma possível agressão. A princípio ela foi morta por esganadura. A Delegacia de Homicídios (DH) investiga o caso.

Com informações do Repórter Corujão