A CIDADE

UEM é 2ª melhor universidade do PR em ranking da Holanda que analisa instituições de vários países

A Universidade Estadual de Maringá (UEM) é apontada como a segunda melhor universidade do Paraná pelo CWTS Leiden Ranking 2020, estudo organizado pela Universidade de Leiden, na Holanda. Na lista, que analisa quantidade e qualidade das publicações científicas ao redor do mundo, aparecem 1.176 instituições de 65 países.

Nesse ranking, divulgado nesta quarta-feira, 8, e no qual no Estado a UEM fica atrás somente da Universidade Federal do Paraná (UFPR), há quatro parâmetros de análise: 1) impacto científico (artigos publicados na base de dados Web of Science de 2015 a 2018); 2) colaborações (artigos em parceria com outras instituições); 3) acesso aberto (proporção de artigos livres em relação aos restritos); 4) gênero (proporção de autoras).

De acordo com os critérios mencionados acima, as posições da UEM são, respectivamente: 1) 18ª do Brasil e 24ª da América do Sul; 2 e 3) 21ª do Brasil e 29ª da América do Sul; 4) 16ª do Brasil e 20ª da América do Sul. “Apesar de os investimentos estarem cada vez mais escassos, pode-se verificar que a UEM é uma universidade que tem pesquisa de qualidade, com destaque internacional e isso é verificado pelos mais diversos rankings de universidades no mundo”, argumenta o professor e pesquisador Bruno Montanari Razza, chefe da Divisão de Planos e Informações da Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (PLD) da UEM.

As pontuações da UEM no Leiden Ranking 2020 melhoraram em relação ao ano passado, quando já eram bastante expressivas. Conforme Razza relembra, nos parâmetros 2 e 3 a UEM ficava na 22ª posição no Brasil, enquanto que no item 4 ocupava a 17ª colocação. Com relação ao impacto científico, desde 2019 a UEM está entre as 18 melhores brasileiras. Na lista geral de 2020, a UEM é a 796ª colocada dentre as 1.176 ranqueadas.

ANÚNCIANTES VIP´S