Polícia prende jovem que estava com colombiano no momento do crime

260

Investigadores da Polícia Civil de Maringá prenderam no fim da tarde deste sábado, 10, o colombiano Edwar Riviera de 28 anos de idade. O mandado de prisão temporária, de 30 dias, foi expedido pela Justiça de Maringá pelo crime de homicídio. Riviera estava no local do crime em que o também colombiano Daniel Felipe Salazar Suarez de 30 anos foi morto a tiros na última quarta-feira, 7, no Conjunto Guaiapó zona norte da cidade.

Na ocasião, a história contada por Riviera indicava que Suarez teria sido morto após roubarem o dinheiro dele, no entanto, as investigações indicam para a suspeita de envolvimento dele no crime. Os dois trabalhavam juntos com agiotagem e cobrança e momentos antes do crime, faziam a divulgação do trabalho no comércio do bairro. Pelo menos por enquanto, Riviera segue preso na delegacia de Sarandi. Ele nega participação no crime e sustenta a versão de que os dois foram assaltados.

COMPARTILHAR